Análise de Preço

Pintor decorativo e aplicador de grafiato

Decorar ambientes pode ser algo muito prazeroso, especialmente nos dias de hoje, quando existe uma grande variedade de técnicas que garantem visual novo à diferentes cômodos. Na área da pintura, isso é possível a partir de produtos e estilos decorativos, como o grafiato ou tintas que imitam materiais como mármore e madeira, que são alternativas para quem não deseja apenas paredes lisas. Ideal para realçar, harmonizar e personalizar ambientes, a pintura decorativa pode ser aplicada sobre qualquer tipo de parede e também sobre contrapisos. Por serem delicadas, necessitam de habilidades manuais e um prestador de serviço qualificado. As técnicas de pinturas especiais podem ser executadas por pintores ou por qualquer profissional com habilidade artística e manual, desde que, claro, possua bom conhecimento sobre tintas, técnicas e ferramentas de pintura.

Quanto custa um pintor decorativo

São vários os fatores que influenciam no valor final de uma pintura decorativa, entre eles o tipo de técnica utilizada, os materiais, o tipo de superfície e a metragem quadrada da área onde o trabalho será realizado e a complexidade do projeto. Para garantir maior precisão no seu orçamento, o ideal é conversar com um profissional da área. Além de passar o valor cobrado por sua mão de obra, ele irá te dar uma ideia de todos os materiais necessários e poderá até ajudar com indicações de marcas e revendedores mais em conta. No que diz respeito à mão de obra, um profissional cobra em média R$ 18,00 por m² para pinturas simples em paredes. Já em caso de pinturas especiais e artística, o pintor decorativo e aplicador de grafiato tende a cobrar mais, variando de R$ 200 o valor mínimo até R$ 1.700 o máximo, dependendo da complexidade do serviço. Para facilitar o orçamento, tenha em mente também o valor médio cobrado por um profissional dessa área, que é de R$ 758.

Opções de pintura decorativa

Já não é de hoje que pintar a parede pode ser muito mais do que mudar a cor do cômodo. O mercado já oferece várias opções de materiais que permitem realizar pinturas decorativas que, após o efeito desejado, também podem ser coloridas. As texturas disponíveis variam das mais simples, como o grafiato tradicional, às mais complexas, que dependendo da cor escolhida para a aplicação imitam outros materiais, como mármores, camurças, entre outros. No caso de optar por um efeito mármore, procure por tintas especiais para essa técnica. Dependendo da cor escolhida, você conseguirá, a partir deste material, criar efeitos que imitam também concreto, madeira e até bambu. O mercado disponibiliza também tintas para efeito tipo gel, que confere às paredes um aspecto envelhecido e, dependendo da técnica utilizada pelo profissional contratado, poderá imitar tecidos como jeans. Por falar em aspecto de tecido, uma das tintas mais procuradas para pinturas decorativas é a de efeito camurça, que imita essa textura e pode ser aplicada nas paredes para gerar uma sensação maior de conforto, por meio de um resultado texturizado bem suave. Um pouco mais ousadas e muito procuradas para projetos especiais, as tintas para efeitos metalizados imitam aço escovado e, dependendo da técnica adotada, podem gerar resultados que imitam a superfície da lua. Independentemente do estilo do seu projeto, é bom ter em mente que usar tintas especiais para efeitos decorativos pode ser uma opção mais econômica e até mesmo mais fácil de ser aplicada, desde que conte com o auxílio de um profissional para sua correta aplicação.

Como calcular o material necessário

Para a realização de um projeto que inclua paredes decorativas, é importante definir bem qual será a área texturizada. O ideal é equilibrar a proporção entre paredes decoradas e lisas, para garantir harmonia no cômodo. Antes de definir esse ponto, procure referências de projetos que utilizaram o mesmo estilo decorativo que você pretende utilizar, isso ajudará a ter uma ideia do resultado final de como o produto ficará aplicado na parede. Definida a área a ser decorada, calcule a quantidade ideal de tinta para o projeto, que costuma ser uma média de 800 ml para cada 15m2 de parede. Hoje já existem ferramentas digitais que ajudam a calcular o volume ideal de produto para uma área específica, mas um bom e experiente profissional poderá auxiliar nessa conta e garantir que você evite desperdícios na hora de realizar a compra dos materiais necessários.

Custos de Serviços