Análise de Preço

Saiba tudo sobre limpeza pesada

Fazer mudanças é sempre uma tarefa que exige cuidados, muita paciência e empenho. Esse processo é muito importante e trabalhoso, mas com algumas atitudes, não fica tão difícil tornar o ambiente agradável e bem organizado. O grande segredo para que uma mudança transcorra de forma tranquila e sem grandes imprevistos é preparar o local para receber toda a mobília, eletrodomésticos e objetos. Isso significa que a limpeza pré-mudança é a primeira coisa que você precisa se preocupar. Muitas casas ou apartamentos ficam fechados por uma grande quantidade de tempo até serem alugados ou vendidos. Há também os imóveis que acabaram de ser construídos e estão cheios de entulhos e sujeira. Em ambos os casos, precisamos de uma limpeza pré-mudança, que vai garantir o ambiente completamente limpo para receber seus itens. Uma dica importante e um tanto simples é começar por regiões maiores e de menor acesso. As janelas são locais importantes de serem limpos, porque receberão a manipulação diária de muitas pessoas da casa. Por estarem em contato direto com o lado externo, elas tendem a acumular muita sujeira e poeira. É claro que essa área da casa não precisa de limpezas diárias e nem mesmo semanais. Entretanto, é importante fazer essa faxina inicial. Dê uma atenção especial aos vidros, pois com eles limpos, a luminosidade dentro da residência pode ser transformada. Além disso, ao instalar cortinas, por exemplo, você não corre o risco delas ficarem sujas por estar em contato com um local empoeirado. Com essa região higienizada, vá para as portas. Pode parecer que não, mas elas acumulam sujeira e também marcas. Ao se mudar, verifique se é necessário e possível dar um polimento especial para manter o brilho. Além disso, revise as fechaduras e também as chaves. Algumas residências já estão mobiliadas e quem sabe esteja aí a parte mais complexa da faxina. Os guarda-roupas, por exemplo, precisam de uma atenção redobrada. Se ele for novo, é importante tirar todas os resíduos de fabricação. Geralmente, um pano molhado com água é suficiente para arejar o local. Entretanto, empenhe-se para que não sobre qualquer resquício de poeira, já que ela pode grudar nas roupas e objetos quando eles ocuparem aquele espaço. Se os móveis já estiverem instalados e não forem tão novos, o cuidado é ainda maior. As madeiras podem estar contaminadas por cupim, por exemplo, ou então infectada por ácaros que podem fazer mal à saúde. Um profissional de limpeza capacitado poderá orientar essa recuperação do móvel e deixá-lo pronto para o uso posteriormente. Traças também podem atacar suas roupas, por isso uma faxina profunda é o mais recomendado. Parta para o banheiro e dedique ali um tempo considerável. Lembre-se de que essa é uma das áreas da casa com maior quantidade de microorganismos e vermes. Desta forma, precisa ser desinfetado rigorosamente. Com produtos adequados, os azulejos necessitam perder qualquer tipo de fungo acumulado no rejunte e ainda manchas eventuais recebidas em decorrência de lavagens inadequadas. Na cozinha, é importante exterminar qualquer tipo de contaminação. As comidas podem gerar fungos, também, e pense que a gordura e a fumaça podem impregnar o ambiente e contaminar todos os espaços e armários. Estes, inclusive, precisam de uma limpeza profunda antes de receber os itens da cozinha. Por fim, você chegará ao chão. A primeira limpeza, convenhamos, é provável que não seja suficiente. Se o piso for de madeira, é conveniente usar produtos para polimento. Caso seja de cerâmica, considere lavá-lo com água e sabão, esfregando diretamente a área. Depois disso, é possível que a limpeza pré-mudança tenha sido realizada com sucesso. Mas, se você pensou que o trabalho já terminou, está enganado. Com a casa preparada para receber a mudança, chegou a hora de organizar os móveis e fazer uma nova faxina. Quando itens são deslocados de um lugar para o outro, ele podem se sujar. Além disso, ao serem esvaziados, por exemplo, já acumulam resíduos passados. Portanto, limpe todas as coisas que vierem com a mudança. Se aprofunde nos móveis e dê um polimento especial. Cuide dos vidros para já começarem a nova fase polidos. Além disso, organize os itens com cuidado e estratégia para que se mantenham o máximo de tempo possível ordenados. Na cozinha, higienize todos os itens e objetos, para evitar contaminações. Aproveite para lavar cortinas, roupas de cama e, até mesmo, o sofá. Faça uma faxina na maior quantidade de coisas que você puder, e não se esqueça de contar com ajuda profissional e especializada para fazer tudo com excelência e o cuidado que sua casa merece.

Quanto custa uma limpeza pesada

Essa limpeza pesada precisa de um profissional que esteja acostumado com grandes faxinas. O preço pode variar com o tamanho do imóvel. Alguns possuem apenas um ou dois quartos, mas um quintal muito grande, vários cômodos e uma cozinha de maior complexidade. Outras, podem possuir mais de dois quartos, mas serem compactas e fáceis de limpar. O ideal é que o profissional seja chamado para fazer uma avaliação prévia. Você pode enviar fotos caso ele abre esse canal de comunicação. Se a casa estiver vazia, talvez o serviço possa ficar mais barato. Caso, no entanto, ela tenha móveis, pode ser que o valor aumente. E por falar em valores, eles podem variar entre R$ 300,00 e R$ 400,00. Liste, antes da contratação, tudo o que for necessário para que a limpeza pesada aconteça. Depois disso, contate o profissional e avalie, com ele, a melhor forma de executar o trabalho. É sempre ideal que os serviços estejam discriminados no momento da contratação e, assim, não haverão problemas de comunicação. Lembre-se, também, que um único profissional pode ser não suficiente. Por isso, considere dois ou mais contratados para realizar a limpeza pesada. Isso pode alterar o valor, mas pode garantir que o serviço seja efetivo e cumpra com o prometido.

Custos de Serviços