Vidro temperado e laminado qual é a diferença?

Vidro laminado

A vantagem do laminado é que ele funciona como um sanduíche, formado por duas ou mais placas de vidro, e uma película de segurança no miolo. Caso estilhace, esse filme retém os pedaços, impedindo que se soltem. O vidro laminado proporciona maior segurança, conforto termo acústico e proteção contra raios solares, quando são complementados com vidros refletivos. Ele é indicado para casos onde existe a possibilidade de impacto, como em janelas, boxes de banheiro, vitrines, entre outros.

Vidro temperado

O temperado sofre um choque térmico durante a fabricação (etapa chamada de têmpera). Após receber esse tratamento em alta temperatura, o vidro é resfriado tornando-se cinco vezes mais resistente que o comum. Assim como o laminado, ele também é indicado para vitrines, janelas, portas, guarda-corpos, entre outros casos onde exista a possibilidade de impactos.

Principais linhas de vidros curvos: Estufa para alimentos , decoração e construção civil

Vidro curvo para estufas

Não permite a troca de calor entre o ambiente interno e externo. Isola termicamente tanto o frio como o calor, sendo até 5 vezes mais performático do que o vidro incolor monolítico. É o vidro com menor emissividade do mercado. Ideal para reduzir o consumo energético. Aplicação Refrigeração comercial (nas portas de refrigeradores verticais). Deve ser aplicado como vidro laminado ou duplo.

Vidro curvo para decorações e contrução civil

O diferencial do vidro temperado curvo é a variedade de aplicações que podem ser realizadas em sua casa, apartamento e escritório. Em projetos arquitetônicos tais vidros podem ser curvados para acompanhar a fachada dos edifícios. Já para garantir um ambiente diferenciado, com uma decoração arrojada, os vidros temperados curvos são opções no setor moveleiro. Também podem ser utilizados em portas de estantes, racks e outras aplicações.

Dúvidas sobre o vido curvo? sem problemas, aqui nós explicamos um pouco mais dele e te mostramos alguns exemplos

Vidro curvo: dentre os tipos de vidro acima, este é o de maior custo, já que exige um tipo diferente de forno para a sua produção. As vantagens deste material são principalmente a versatilidade de aplicações, além da resistência á quebra, impactos e a altas temperaturas, que oferece por ser um tipo de vidro temperado.

Cada tipo de vidro curvo atende melhor um tipo de necessidade. Para mobiliário, por exemplo, utiliza-se o vidro comum, diferentemente de divisórias, guarda-corpos, ou fechamentos externos, onde se utiliza mais temperado, laminado, ou temperado laminado. É possível também criar o vidro insulado utilizando peças curvas, o que garante maior isolamento térmico e acústico ao ambiente. (colocar fotos)