Contratar uma diarista confiável ajuda na organização da casa

Uma das principais vantagens de se contratar uma diarista é a flexibilidade. Diferente da empregada doméstica, que tem uma jornada de trabalho fixa, a diarista combina com os empregadores a melhor data para fazer a limpeza da casa. A frequência, neste caso, varia, podendo ser semanal, quinzenal ou até mesmo mensal.

 

Outra vantagem de contratar uma diarista é que ela atende conforme a sua necessidade para o dia. Por exemplo, se na data combinada você notar que precisa de uma atenção maior para as janelas e vidros da casa, mas não tanto para os armários, é só pedir para a profissional priorizar o que você considera necessário. Assim, vocês podem combinar e personalizar os dias de serviços.

 

Ao final da visita da diarista, você terá a casa limpa e organizada ao seu gosto, conforme o que considera prioridade, e pagando apenas pela diária da profissional. Nos demais dias, a diarista fica livre para atender outras demandas e melhorar sua renda no final do mês.

 

Algumas diaristas fazem apenas a faxina, já outras têm disponibilidade para lavar, passar e até cozinhar. Isso pode ser uma vantagem extra, mas fique atento: ainda que o contrato seja informal, é importante combinar com sua diarista tudo o que ela está disposta ou não a fazer, ok?

 

Lembre-se: estabelecer um diálogo transparente ajuda a conhecer melhor sua diarista, manter uma boa relação de trabalho e garantir bons preços e confiança.

 

Normalmente, depois de estabelecida essa relação de confiança, a diarista passa a ter um dia fixo para ir até a sua casa fazer a limpeza, negociando até mesmo pacotes e melhores datas para receber pelas faxinas. Tudo pode ser negociado, mas, é claro, sempre mantendo o bom senso para que a relação seja boa para ambos os lados.

Diaristas ou empregadas domésticas: qual a melhor opção? Entenda as principais diferenças entre as profissionais

Na hora de escolher uma pessoa para te ajudar com as tarefas de casa, nada melhor do que conhecer direitinho o que cada profissional faz. Só assim é possível decidir qual é a melhor opção. Esta tabela comparativa vai te ajudar a entender melhor as funções de uma diarista e de uma empregada doméstica e o modelo de contratação. Mais do que isso, ela apresenta também respostas a muitas dúvidas burocráticas, desde o tipo de contrato até a jornada de trabalho e benefícios. Que tal dar uma olhada e esclarecer todas as suas dúvidas?

 

Diaristas

  • Contrato informal
  • Jornada flexível
  • Não tem exclusividade
  • Pode atender a vários clientes
  • Combina com o empregador o melhor dia e forma de receber
  • Recebe pelo dia de trabalhado
  • Combina os serviços que vai prestar
  • Combina benefícios, como VT e alimentação
  • Não possui vínculo empregatício formal

Empregadas Domésticas

  • Contrato CLT
  • Carga horária estabelecida por lei
  • Exclusividade
  • Atende a um único empregador
  • Segue o que prevê a Lei
  • Recebe pelo mês trabalhado
  • É orientada pelo empregador
  • Tem os benefícios previstos pela Lei
  • Possui vínculo empregatício formal

Como contratar diarista confiável em poucos passos Pesquisa e diálogo: fórmula ideal para ter uma diarista de confiança para minha casa

Contratar uma diarista requer exigências, assim como contratar qualquer outro tipo de funcionário. Afinal, essa será a pessoa que cuidará da sua casa. Além de realizar um bom trabalho, ela deverá ser de confiança e ter um perfil que atenda a sua rotina, aos hábitos de quem vive na casa e a dinâmica do lar.

Em muitos casos, as diaristas são recomendadas por um amigo, conhecido ou familiar. Porém, nem sempre o que é bom para eles pode ser bom para você. Recomendação, é claro, ajuda. Mas o mais importante é montar um perfil da profissional que você busca e realizar entrevistas.

Por exemplo, se na sua casa é importante que a diarista lave e passe roupa, procure por uma pessoa com esse perfil. Se no seu lar vivem animais de estimação, o ideal é que sua diarista goste de bichos – isso te deixará mais confortável na sua ausência. Ou, então, se você precisa de alguém que faça faxina pesada, carregando inclusive peso, opte por pessoas com melhor preparo físico. Enfim, traçar um perfil do profissional que você deseja ajuda na hora de escolher a diarista.

Feito isso, antes de fechar negócio, procure conhecer a diarista pessoalmente. Faça entrevistas, pergunte sobre as habilidades dela, abordando questões técnicas e comportamentais. Pergunte também sobre aspectos pessoais, como família e se atende outras casas. Isso ajudará a conhecer e estabelecer uma relação com sua funcionária.

Lembre-se sempre de ouvir mais do que falar, assim você conseguirá entender melhor a pessoa a quem você estará confiando seu lar.

Sempre apresente sua proposta de trabalho, deixando claro a remuneração pelo dia de trabalho e se haverá benefícios incluído na remuneração, como auxílio para o transporte e alimentação. Além disso, diga os dias da semana que gostaria de contar com a ajuda da diarista.

Procure também falar sobre os hábitos da casa, se há necessidade de silêncio, se há algum tipo de proibição no condomínio (em casos de quem mora em prédio) e assim por diante. Como essa relação é informal e não há um contrato de prestação de serviço, é bom deixar bem claro desde o início o que pode e o que você precisa que seja feito dentro de casa.

A profissional parece atender ao seu perfil? Que tal, então, conhecer um pouco mais dela nas redes sociais? Hoje em dia, com o mundo conectado, os perfis na internet dizem muito e podem ajudar a saber mais das pessoas.

Lembre-se sempre também de salvar os dados da sua funcionária – telefone e endereço principalmente, pois assim você conseguirá encontrá-la mais facilmente em caso de necessidade e combinar melhor o dia a dia do trabalho, já que ele é, por natureza, flexível.